Jaeger-Lecoultre e Torres Joalheiros inauguram primeira boutique Jaeger-Lecoultre em Portugal
Data de Publicação: 12.16.2021

A Jaeger-LeCoultre e a Torres Joalheiros acabam de inaugurar a primeira boutique da Jaeger-LeCoultre em Portugal. Localizado no número 225 da Avenida da Liberdade, em Lisboa, o novo espaço surge como um reflexo da relação de longa data entre a Grande Maison da relojoaria suíça e a centenária joalharia portuguesa.

“É com enorme orgulho que damos as boas-vindas à primeira boutique Jaeger-LeCoultre, em Portugal. Um importante marco para a Torres Joalheiros e um enorme reconhecimento da relação e do trabalho mútuo de cerca de 25 anos, com uma das mais respeitadas manufaturas relojoeiras suíças”, refere João Carlos Torres, Presidente do Conselho de Administração do Grupo Torres.

Com uma área total de 50 m2, a nova boutique Jaeger-LeCoultre integra diversas zonas, pensadas para responder de forma personalizada às diferentes necessidades de cada cliente, a começar pela zona de entrada que acolhe o visitante com um expositor circular que permite desde logo contemplar uma seleção de modelos disponíveis. Na mesma zona, um painel em madeira surge como moldura para três distintas vitrinas em fundo claro. Ao lado, uma estante evoca o presente e passado da marca, com a exposição de objetos e fotografias criteriosamente selecionados.

À medida que se explora o novo espaço, mais áreas vão sendo reveladas. Entre elas, um discreto balcão de atendimento para maior conforto e usufruto na experiência de descoberta da marca, bem como uma zona especialmente reservada para maior discrição e exclusividade. A utilização de tons beges e madeiras escuras, bem como as linhas sóbrias e discretas do mobiliário, contribuem para reforçar o caráter sóbrio e elegante de todo o espaço, num verdadeiro hino à identidade da marca suíça.

Enquanto local privilegiado de descoberta da marca fundada em 1833, a nova boutique da Jaeger-LeCoultre contempla uma rigorosa seleção de modelos da coleção da Grande Maison, mas também edições especiais lançadas em exclusivo para as boutiques Jaeger-LeCoultre. Ao mesmo tempo, trata-se de um local criado ao mínimo detalhe para oferecer uma experiência verdadeiramente diferenciadora e inspiradora a cada visita.

Recorde-se que a Jaeger-LeCoultre chegou a Portugal em 1996, pela mão da Watchers (à data, Torres Distribuição). A paixão da Grande Maison pela cultura e identidade portuguesas traduziu-se desde logo no lançamento da coleção Arte Portuguesa, uma série de seis relógios Reverso personalizados com obras de artistas lusos de renome como Júlio Pomar, Paula Rego, Manuel Cargaleiro, José de Guimarães e Julião Sarmento. Em 2007, a Jaeger-LeCoultre, em conjunto com o IGESPAR, volta a firmar o seu compromisso para com a cultura nacional devolvendo aos lisboetas o icónico relógio do arco da Rua Augusta, há muito desativado. Em 2021, a Jaeger-LeCoultre reforça a sua presença em Portugal, com a abertura da sua primeira Boutique na Avenida da Liberdade.

Outro artigos que lhe podem interessar:

Vacheron Constantin apresenta o relógio mais complicado do mundo

Vacheron Constantin apresenta o relógio mais complicado do mundo

Com 63 complicações relojoeiras e 2.877 componentes, supera o recorde já alcançado pela Maison com o relógio Referência 57260. Este relógio, uma estreia mundial, distingue-se pela incorporação de um verdadeiro calendário perpétuo chinês.

Venezianico celebra os Emirados com o Nereide GMT

Venezianico celebra os Emirados com o Nereide GMT

A marca de relógios criada por Alberto e Alessandro Morelli celebra os Emirados Árabes Unidos com um relógio Nereide GMT de edição limitada, que se caracteriza por elementos estilísticos orientais combinados com uma gama de cores e nuances que captam totalmente a essência desta região única. 

Share This