“Num mundo digital, a peça totalmente mecânica torna-se um paradigma cada vez mais desejado”

Imagem da notícia: “Num mundo digital, a peça totalmente mecânica torna-se um paradigma cada vez mais desejado”

“O declínio da relojoaria já foi anunciado por diversas vezes na sua história, desde a crise do quartz, à crise financeira global de 2009, e agora na crise pandémica. Certo é que a mesma sobreviveu a todas e de facto tudo indica que ainda sairá mais forte desta”.

Como irão os mercados reagir num mundo pós-pandemia? Talvez a pergunta mais importante em qualquer mercado financeiro nestes tempos.

Após um evento global que afetou todos os setores, o da relojoaria não foi exceção e as quebras foram significativas. Estamos a falar de uma quebra a rondar os 25% no mercado europeu comparando os números de 2019, cerca de 20 mil milhões em vendas, com os de 2020 que se ficaram pelos 15 mil milhões.

Leia na íntegra a opinião de André Sampaio na Revista JoiaPro Luxury 3.

18 Abril 2022
OpiniãoRelojoaria

Notícias relacionadas

Piaget apresenta coleção Solstice

Harmoniosamente adequada para a celebração do solstício, a coleção Solstice da Piaget representa a combinação perfeita dos princípios fundadores da Casa - excelência e criatividade.

Ler mais 29 Junho 2022
AtualidadeJoalhariaRelojoaria

Jaeger-LeCoultre lança Polaris Date Green

Inspirada no Memovox Polaris de 1968, a coleção Polaris definiu o espírito de elegância desportiva da Jaeger-LeCoultre. Funções utilitárias, códigos estéticos vintage e performances cronométricas de ponta distinguem o Polaris, um relógio que surge agora com um mostrador verde intenso, para dar um novo toque de cor às aventuras da vida quotidiana.

Ler mais 28 Junho 2022
AtualidadeRelojoaria