Américo Henriques, entrevista ao “mestre” relojoeiro
Data de Publicação: 09.28.2022

Com uma carreira ímpar no panorama da relojoaria nacional, o seu percurso de toda uma vida começa em 1960, e está ligado à Escola de Relojoaria da Casa Pia, quando com 12 anos inicia o Curso de Formação Industrial de Relojoeiro, formação que conclui com 15 anos em 1963. 

“Depois de ter escrito dezenas de manuais e apontamentos de apoio para os cursos que ministrei, e de ter publicado dezenas de artigos em diversas revistas, talvez seja altura de compilar a minha carreira num livro sobre “a história e as estórias dos relógios”.

A entrevista na íntegra a Américo Maria Henriques está disponível na revista JoiaPro Luxury 6.

Categoria: Entrevistas | Relojoaria

Outro artigos que lhe podem interessar:

Guebly nasce para “criar nova proposta na relojoaria independente”

Guebly nasce para “criar nova proposta na relojoaria independente”

Criada por um colecionador de relógios para outros colecionadores, a Guebly pretende “criar uma nova proposta no mundo da relojoaria independente”. A marca está enraizada na grande tradição relojoeira suíça e inspira-se na força orgânica do movimento perpétuo e na beleza natural que definem o mundo.

Relógios de luxo “brilham” na passadeira vermelha

Relógios de luxo “brilham” na passadeira vermelha

A noite mais ilustre do cinema, a cerimónia dos Óscares, é marcada pelo glamour e elegância e nem os detalhes escapam à escolha meticulosa das personalidades presentes no evento. A acompanhar o guarda-roupa sóbrio e elegante, as estrelas de Hollywood optaram por acessórios de luxo que tiveram lugar de destaque na passadeira vermelha. Aqui fica um apanhado de alguns dos relógios que brilharam na 96.ª edição do maior evento do cinema, que decorreu a 10 de março. 

Share This